1 BRL = 1.01 PLN

Varsóvia - cidade indômita

Varsóvia é a a atual capital da Polônia e a sede das mais altas autoridades. Completamente destruída durante a Segunda Guerra Mundial, foi reconstruída e desenvolve-se de forma dinâmica.

O panorama da cidade situada às margens do Vístula há séculos é dominado pelo Castelo Real, e os palácios de famílias poderosas. Seus representantes serviram à nação exercendo as mais dignas funções, ficando assim mais próximos da corte real. Do Castelo Real situado na Cidade Velha estende-se a Estrada Real. É a mais bela rota turística da capital.

Uma característica de Varsóvia é o policentrismo. A capital é tanto um lugar de descanso, como também local de reuniões sociais e empresariais: a Cidade Velha; a rua Krakowskie Przedmieście; a rua Nowy Świat e a Praça das Três Cruzes, entre muitas outras. Varsóvia é uma cidade com muito verde. Os irregulares bancos de areia à margem do rio são rodeados por um matagal. Há grandes parques até mesmo na região central da cidade. A outra grande vantagem da cidade são os museus muito modernos: o Museu de Chopin, o Museu do Levante de Varsóvia, o Museu de Arte Moderna, o Centro de Arte Contemporânea e o Museu dos Judeus Poloneses. Apresentando um perfil mais clássico mas igualmente intrigante, o Museu de Maria Słodowska-Curie em Varsóvia é um museu biográfico da cientista que por duas vezes recebeu o Prêmio Nobel de Química, e a primeira mulher a estudar na Sorbonne parisiense.

Varsóvia é uma cidade perfeita para os amantes da música. O Concurso Internacional de Piano de Frederic Chopin, organizada a cada cinco anos, é um dos eventos mais prestigiosos do mundo. A música do grande compositor pode ser ouvida, no verão, em cada fim de semana no Parque Łazienki Królewskie, o mais encantador de todos os belos parques em Varsóvia. O Festival Internacional de Música Contemporânea "Warszawska Jesień" (O Outono Varsiovado), o maior da Polônia e um dos mais importantes do mundo, enche as salas de concertos da Filarmônica todos os anos, em Setembro.

O Estádio Nacional, com a audiência para 50 mil pessoas e cuja "coroa" domina o horizonte é, desde 2012, o maior palco de inúmeros eventos dos mais importantes, esportivos e culturais. Atualmente um dos pontos mais marcantes na vida dos habitantes de Varsóvia, em julho de 2016 vai ser também o principal local das sessões da OTAN (NATO), com a participação dos Chefes de Estado ou de Governo dos países-membros da organização.

O Palácio da Cultura e Ciência, hoje um dos principais símbolos de Varsóvia, é um edifício de 60 anos que consta na lista dos monumentos da cidade, e foi um presente da União Soviética. Em torno deste Palácio (abreviatura PKiN em polônes) foram erigidos os mais altos prédios de escritórios e hotéis, criando a chamada "Manhattan varsoviana."

 

PLANEJE SUA ROTA

Planeje uma viagem
How many people?
1
For how long?
2 days
Boletim de Notícias